sábado, 30 de setembro de 2017

Como Nossos Pais, de Laís Bodanzky

Rosa é uma mulher que procura ser perfeita em todas as suas obrigações. Como filha, mãe, esposa, amante e profissional. E quanto mais ela procura a perfeição, mais tem a sensação de estar errando.

Como Nossos Pais (2017), de Laís Bodanzky
Como Nossos Pais (2017), de Laís Bodanzky

Veja também...
Festival de Cinema de Gramado 2017

Filha de intelectuais da década de 70. E mãe de duas meninas. Aos 38 anos, Rosa vive em meio à pressão de duas gerações. Estas esperam dela uma super-mulher. Forte, virtuosa e onipresente.

Como Nossos Pais - Nara (Sophia Valverde), Rosa (Maria Ribeiro) e Juliana (Annalara Prates)
Nara (Sophia Valverde), Rosa
e Juliana (Annalara Prates)

O título do filme, inevitavelmente, remete à canção “Como Nossos Pais”. O hino que Belchior compôs nos anos 70. E Elis Regina eternizou. Mas as semelhanças acabam nos títulos destas duas obras...

O filme inicia em um almoço de família. Após anos, Clarice, mãe de Rosa, consegue, enfim, fazer a prometida moqueca. Cai a chuva. E as discussões que começaram na mesa do pátio acabam na sala da casa...

Como Nossos Pais - Rosa (Maria Ribeiro) e Clarice (Clarisse Abujamra)
Rosa e Clarice (Clarisse Abujamra)

Em meio a provocações, Clarice revela que engravidou durante um simpósio de sociologia, em Havana. E Homero não estava lá. Assim, Rosa descobre que o homem a quem sempre chamou de pai não era seu pai...

Clarice alimenta-se de cigarros e ideais de esquerda. E destila o seu veneno contra todos. Em especial, Rosa. Porém Homero, o vagabundo fracassado, não foge de sua linha de tiro. Daí a razão dela tê-lo expulso de casa...

Como Nossos Pais - Rosa (Maria Ribeiro) e Homero (Jorge Mautner)
Rosa e Homero (Jorge Mautner)

Homero é um artista. Um eterno hippie. Parece sempre embriagado. E seu discurso pseudofilosófico é uma viagem. Ele ficou oito meses sem pagar o colégio da outra filha. E justifica-se: “se aprende com a vida”.

Dado, marido de Rosa, é um adolescente de 40 anos. Um ambientalista com barba, tatuagens e cabelos despenteados. Pai ausente e marido infiel. Nem perto daquele parceiro por quem Rosa esperava...

Como Nossos Pais - Dado (Paulo Vilhena) e Rosa (Maria Ribeiro)
Dado (Paulo Vilhena) e Rosa (Maria Ribeiro)

E assim, Rosa sofre um golpe após o outro. A revelação bombástica da mãe. A total alienação do pai. A velada infidelidade do marido. A constante rebeldia da filha. E a súbita demissão do emprego que detestava.

Aos poucos, Rosa percebe viver uma vida de mentiras em meio à falsidade de todos ao redor. E escreve “Amores Livres”, peça que conta o desenrolar da vida de Nora. A personagem de Ibsen, em “Casa de Bonecas”.

Como Nossos Pais - Rosa (Maria Ribeiro) e Pedro (Felipe Rocha)
Rosa e Pedro (Felipe Rocha)

Conforme Pedro, amigo e quase amante de Rosa, a peça é um manifesto feminista erótico de uma mulher que usa tênis All Star. Logo, Rosa joga os tênis no lixo. E propõe a Dado uma mudança no relacionamento...

0 comentários:

Postar um comentário

 
Free Host | new york lasik surgery | cpa website design