domingo, 3 de abril de 2016

Estátua O Laçador, Porto Alegre

O artista plástico Antônio Caringi, de Pelotas, esculpiu a imagem, em 1954. A obra participou de concurso na Exposição do IV Centenário da fundação da cidade de São Paulo. E a ideia era criar algo que simbolizasse o RS.

Monumento O Laçador, Porto Alegre
Paixão Cortes serviu de modelo para a
criação do monumento "O Laçador".

Isso motivou o escultor a representar um homem vestindo pilcha, o traje típico do gaúcho. O folclorista Paixão Cortes serviu de modelo. Mais tarde, Paixão Cortes registrou a história sobre “O Laçador” em livros autorais.

Caringi presentearia São Paulo com a imagem original, em gesso, após o evento. Mas a obra agradou os gaúchos, que a reivindicaram. Em 20/09/58, a imagem definitiva, em bronze, foi inaugurada, em Porto Alegre.

Estátua O Laçador, Porto Alegre
O Laçador representa o gaúcho e
simboliza o Rio Grande do Sul.

A Estátua do Laçador tem 4,45 metros de altura e pesa 3,8 toneladas. A Câmara de Vereadores definiu o monumento como símbolo oficial de Porto Alegre, em 1992. E, em 2001, ele foi tombado como Patrimônio Histórico.

Com a construção do Viaduto Leonel Brizola, a Prefeitura transferiu, em 2007, o monumento. O Sítio do Laçador fica no principal acesso à cidade de Porto Alegre. A 600 metros do local original, a Praça do Bombeador.

Veja também...
Laçador: Símbolo do Rio Grande do Sul

0 comentários:

Postar um comentário

 
Free Host | new york lasik surgery | cpa website design