segunda-feira, 7 de setembro de 2015

Centro de Flores da Cunha

O principal atrativo do centro de Flores da Cunha é a Igreja Matriz com a torre em pedras de basaltos. Também se destaca o Parque da Vindima, que abriga a Escola de Gastronomia e o Monumento do Galo, símbolo da cidade.

Torre de Pedra e Igreja Matriz de Flores da Cunha.
Torre de Pedra e Igreja Matriz de Flores da Cunha
  
Continuação de...
Cascatas da Usina e Santuário da Modonna de Monte Bérico


Ponte do Passo Zeferino
Deixei o Santuário de Monte Bérico, em Antônio Prado, rumo a Flores da Cunha. No caminho, parei para pedir informações sobre a Ponte do Passo Zeferino. Ela fica na divisa de Antônio Prado e Flores da Cunha.

Trata-se da antiga ponte de ferro sobre o Rio das Antas. Sobre a ponte atual passa a RS 122. A antiga é acessada pela estrada de terra que leva a São Marcos. E fica a pouco mais de um quilômetro da rodovia asfaltada.

Ponte de ferro do Passo Zeferino sobre Rio das Antas, ligando Flores da Cunha a Antônio Prado.
Ponte do Passo Zeferino sobre Rio das Antas

Fiquei na dúvida se seguia para São Marcos ou se retornava pela RS 122 até Flores da Cunha. Optei por retornar para Flores da Cunha, conforme o plano original. Pois se seguisse para São Marcos, teria de revisar todo o roteiro.


Igreja Matriz e Torre de Pedra
Cheguei ao centro de Flores da Cunha pouco após as 16h. Deixei o carro na praça e procurei pelo Museu Municipal. Assim como em Antônio Prado, ele estava fechado. Segui para a Igreja Matriz, também em frente à praça.

Igreja Matriz de Flores da Cunha
Igreja Matriz de Flores da Cunha

Sem dúvida, um belo prédio! A igreja chamaria a atenção praticamente em qualquer cidade. O grande problema é a belíssima torre feita em basalto ao lado da igreja. Ela ofusca em grande parte a beleza da igreja.


Castelo e Parque da Vindima
Segui para o Castelo da Família Castellan, próximo ao centro da cidade. A mansão possui até uma capela, algo pouco visto nas construções de hoje. O local também parece reunir uma coleção de carros esportivos.

Castelo da Família Castellan, em Flores da Cunha.
Castelo da Família Castellan

Capela junto ao Castelo da Família Castellan, em Flores da Cunha.
Capela junto ao Castelo

Deixei o castelo e parti para o Parque da Vindima. Ali, fica a Escola de Gastronomia e o Centro de Informações Turísticas. Ambos, fechados. Fiz as fotos do Monumento do Galo e a análise do mapa da cidade.

Antiga casa de madeira em estilo italiano, no Parque da Vindima, em Flores da Cunha.
Parque da Vindima, em Flores da Cunha


Camping da Vindima
Acabei seguindo para o Camping da Vindima. Na minha infância, meus pais tinham o hábito de acampar ali. Contam que ali eu teria dado os primeiros passos. Quer dizer, a decisão de passar pelo local foi mais emocional...

Lago do Camping da Vindima, em Flores da Cunha.
Lago do Camping da Vindima

Movido pela nostalgia, eu parti para o Camping da Vindima. Lembrava muito pouco do local. Porém o camping me pareceu muito pequeno. Interessante como as coisas parecem maiores quando nós somos pequenos...

Pata com patinhos no Camping da Vindima.
Pata com patinhos no Camping da Vindima

1 comentários:

Leonardo Brocker disse...

+++ Igreja de Nossa Senhora de Lourdes +++

Antônio Cremonese confeccionou os murais da igreja, em 1940.

Temática dos murais:
+ A Volta de Cristo;
+ Temática Escatológica.

Fonte: "A Morte e O Além", Altamir Moreira (2006)

Postar um comentário

 
Free Host | new york lasik surgery | cpa website design