segunda-feira, 23 de março de 2015

Barragem e Usina dos Bugres, Canela

O município de Canela é cortado pelos rios Santa Cruz e Paranhana. Além de vários riachos e nascentes, como a do Rio Paranhana. Há duas usinas hidrelétricas em seu território: Canastra e Bugres. Canela ainda conta com açudes, usados na irrigação das lavouras e como locais para pesca.

Usina Hidrelétrica dos Bugres, em Canela
Usina Hidrelétrica dos Bugres, em Canela

O Rio Santa Cruz divide os municípios de Caxias de Sul e Gramado. É cercado por vegetação densa e é propício ao rafting. O Rio Paranhana nasce em São Francisco de Paula e deságua em Taquara. Ele drena municípios de Taquara, Igrejinha, Três Coroas e parte de Gramado e Canela.

Barragem da Usina dos Bugres, em Canela
Barragem da Usina dos Bugres, em Canela

As usinas hidrelétricas da Canastra e dos Bugres ficam no curso do Rio Paranhana. E contam com águas do Rio Santa Cruz. A transposição do vale ocorre através de um túnel de 2 080 metros de comprimento e 2,2 metros de diâmetro. Ela inicia na Barragem do Salto, em São Francisco de Paula.

Cano sai da Usina dos Bugres, em Canela
Cano sai da Usina dos Bugres

A Usina Hidrelétrica dos Bugres está em operação desde 1952. Possui 182 metros de comprimento e 27 metros de altura. Esta usina está localizada a 20 km da sede do município, na localidade de Bugres. Acumula 245.000 m3 de água. E apresenta uma potência efetiva de 11,50 MW.

Estrutura da Usina dos Bugres, em Canela
Estrutura da Usina dos Bugres, em Canela


Veja também...

0 comentários:

Postar um comentário

 
Free Host | new york lasik surgery | cpa website design