segunda-feira, 6 de maio de 2013

Festa Nacional da Música: Falcão - "Holiday Foi Muito", "A Multa" e "Atirei o Pau no Gato"

A primeira noite da Festa Nacional da Música acabou de forma bem doida! Dia 23/10/12, partimos para nossa segunda noite no evento. Essa começou em ritmo menos acelerado. E o grande destaque, dentre os artistas iniciais, foi o cantor Falcão, que apresentou três músicas em versão acústica...

Falcão, na Festa Nacional da Música 2012
Falcão, na Festa Nacional da Música 2012

Maurício & Mauri. Viccia

Quem abriu a noite foi a dupla Maurício & Mauri. A dupla é formada pelos irmãos de Chitãozinho & Xororó. Se os irmãos mais famosos já não me agradam, não poderia esperar nada melhor da dupla que se apresentou. Depois, subiu ao palco um certo Alex Cohen. Ele cantou "A Vida Tem Dessas Coisas", do Ritchie.

O Viccia subiu no palco, na sequência. E chamou minha atenção por algumas razões. O pessoal é de Bento Gonçalves. E o grupo tem uma estrutura tipo Abba. São duas vocalistas, uma loira e uma morena. E a música tem um estilo dançante. Foi o que vi de mais legal dentre as primeiras apresentações da noite...


Glad Azevedo e Vinícius D' Black

Depois, subiram ao palco Daniel Del Sarto, Brenno e Glad Azevedo. O último é o que possui a melhor voz. Já havia chamado a atenção cantando “Exagerado” na noite anterior. O maranhense de São Luiz começou a estudar violão aos nove anos. E já lançou três discos. Glad tem acompanhado, atualmente, o cantor Jorge Mautner.

Daniel Del Sarto, Brenno e Glad Azevedo cedem o palco para Vinícius D’ Black. O compositor e cantor carioca cantou seus maiores sucessos: “Sem Ar” e “1 Minuto”. Na mesma noite, mais tarde, D’ Black acompanhou a cantora Sandra de Sá na música “Olhos Coloridos”. Foi um dos pontos altos da Festa Nacional da Música.


Falcão: Holiday Foi Muito, A Multa, Atirei o Pau no Gato

Então, o cantor cearense Falcão foi convidado a cantar. De longe, era o artista mais procurado para tirar fotos. Havia tirado uma foto com ele na véspera. Como estava sem as roupas características, tirei uma nova foto na segunda noite. E percebi que ele era procurado por crianças e adultos. E mesmo pelos outros artistas...


Pode-se dizer que Falcão fez uma apresentação acústica. Subiu o palco apenas com o violão, sem qualquer músico o acompanhando. E começou tocando a sua música mais popular: “Holiday Foi Muito”. É aquela do refrão: “Homem é homem. Menino é menino. Macaco é macaco. E veado é veado”...


Não preparado para uma plateia receptiva, teve de cantar outra música. Não sabia o que tocar. Resolveu tocar “A Multa”. Mas acabou se esquecendo de parte da letra. No fim, a plateia cantou uma parte do refrão: “Multa / Esse fela da pulta / Esse fela da pulta / Que é pra moralizar”...


Assisti a duas noites de apresentações na Festa Nacional da Música. E a de Falcão, por mais incrível que possa parecer, foi a única em que o público pediu bis. Falcão, então, cantou “Atirei o Pau no Gato”, que já havia cantado na véspera. E, lá pelas tantas, o pessoal do Fevers, subiu ao palco para acompanhar o Falcão. Que luxo!

O relato segue com...
Festa Nacional da Música: Sandra de Sá - Olhos Coloridos

0 comentários:

Postar um comentário

 
Free Host | new york lasik surgery | cpa website design