quarta-feira, 3 de abril de 2013

Rio Pardo: Centro Regional de Cultura

Deixei o Parque da Santa Cruz e a cidade de Santa Cruz do Sul. Segui para a vizinha Rio Pardo. Esta cidade, de importância estratégica nos séculos XVIII e XIX, hoje possui apenas 37 mil habitantes. Conserva, porém, muitos de suas antigas construções, que são o grande atrativo da cidade...

Interior do Centro Regional de Cultura de Rio Pardo
Interior do Centro Regional de Cultura de Rio Pardo

Cheguei a Rio Pardo e parei em um posto de gasolina. Perguntei como fazia para chegar à Igreja Matriz. Mas no caminho, cruzei pelo Centro Regional de Cultura de Rio Pardo. E então, mudei meus planos. Estacionei o carro ao lado da Igreja do Senhor dos Passos e entrei no centro de cultura.

No local, é cobrado um ingresso de R$ 1,00. Isso dá direito à visita guiada. E isto foi o que mais valeu à pena na cidade. Afinal, duas de suas igrejas estão passando por reformas. Um museu está fechado para manutenção. O outro não abre em segundas-feiras. Ah, a capela também estava fechada...

Pois bem, Rio Pardo surgiu como uma cidade militar. Localizada no centro do RS, ela ficava próxima à linha que dividia o território português do espanhol. Por isto, em 1750, decidiu-se construir ali um forte. E deste, não resta nada. Há apenas alguns canhões indicando o local onde ele ficava...

O prédio que abriga o centro de cultura foi erguido, entre 1848 e 1883, para ser um hospital. Algo como a Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre. No entanto, a falta de verba fez com que sua construção se arrastasse. E nem fosse concluída. A solução? O prédio foi vendido para o exército.

Antigas Paredes do Prédio que Abriga o Centro Regional de Cultura de Rio Pardo
Antigas Paredes do Prédio que Abriga o
Centro Regional de Cultura de Rio Pardo

O local, por muitos anos, abrigou a mais importante escola militar do estado. Posteriormente, serviu como um colégio de freiras. Com o passar dos anos, a construção foi se deteriorando. E as infiltrações fizeram com que as freiras abandonassem o prédio.

O local ficou algum tempo parado. Até que uma associação de ex-alunos se mobilizou e viabilizou a restauração através de patrocinadores. Hoje, o local abriga o Centro Regional de Cultura de Rio Pardo. Ali há um auditório, a sala de dança, o conservatório, a biblioteca, a cafeteria e a sala de aulas.

O relato segue com...
Rio Pardo: Rua da Ladeira, Igreja Matriz e Forte


Contabilidade do Dia
Pedágio (Rio Pardo - 14h40) = R$ 6,70
Total = R$ 7,70

0 comentários:

Postar um comentário

 
Free Host | new york lasik surgery | cpa website design