segunda-feira, 8 de abril de 2013

Barão Vermelho Ao Vivo: “Bete Balanço”, “Todo Amor que Houver Nessa Vida” e “Down em Mim”

Nesta postagem, registro cinco músicas do disco Barão Vermelho - Ao Vivo. Este disco foi gravado durante o Rock in Rio, em 1985. É o último disco que conta com a participação de Cazuza.

Barão Vermelho - Ao Vivo no Rock in Rio

Continuação de...
Barão Vermelho Ao Vivo 1


“Todo Amor que Houver Nessa Vida” (Frejat, Cazuza)
“Em julho de 1983, Caetano Veloso incluiu a canção no show ‘Uns’. Foi uma ajuda fundamental para popularizar o Barão Vermelho.”

“A música ‘Todo Amor que Houver Nessa Vida’ é uma obra-prima. O Cazuza era um romântico autêntico. Isso foi o que deu à poesia dele um poder de comoção muito grande. Porque ele era cem por cento autêntico e isso a gente sentia. Ele entrou na MPB com uma marca enormemente original. E seu trabalho com o Barão e, depois, sozinho representa uma coisa grande. E com papel importante no desenvolvimento da música popular brasileira.” (Caetano Veloso)

“Nessa época, nós não tínhamos a menor ideia da dimensão que esse repertório iria tomar. Na verdade, quando fizemos essas músicas, elas foram gravadas quatro ou cinco meses antes de estourarem. E um ano antes de o Caetano se pronunciar. Nós estávamos felizes, mas não tínhamos a menor ideia do que estava acontecendo. A letra é a cara da geração da gente. E a música é um new wave travado pra caralho. Como letra escapa do universo roqueiro. Mas foi muito mal tocada.” (Frejat)



“Baby, Suporte” (Cazuza, Ezequiel, Barros, Pequinho)
“A versão definitiva de Baby, Suporte nasceu duma música de Péricles, o Pequinho, meu irmão. O Cazuza gostava da música, mas achava a letra original juvenil, meio bobinha. Ele achava que podia ser melhorada. E ele a melhorou de fato.” (Maurício Barros)

“Cazuza criou a nova letra inspirado numa frase que viu escrita na minha agenda. Por essa razão, fui incluído como parceiro na música. A frase era a pergunta: ‘Que diferença há entre o amor e o escárnio?’. A partir daí, Cazuza criou a letra, uma das mais fortes de sua obra. Ele ficou louco com a frase. E criou imagens fortes como ‘cada carinho é o fio de uma navalha’, um primor. A novelista Janete Clair odiava a música, que entrou na trilha sonora de sua última novela, ‘Eu Prometo’ (Rede Globo, 1983), contra a vontade da escritora.” (Ezequiel Neves)



“Bete Balanço” (Cazuza e Frejat)
A canção “Bete Balanço” foi gravada pelo Barão Vermelho em março de 1984, para a trilha sonora do filme “Bete Balanço”. Nessa canção feita sob encomenda para o filme de Lael Rodrigues, o verso perene: ‘quem tem um sonho não dança’. “Bete Balanço” foi lançada em um compacto que trouxe ainda “Amor, Amor” no lado B.

“É uma música encomendada. O pessoal da Embrafilme me chamou, deu o perfil da personagem de Débora Bloch. E eu fui em cima. Mas a Bete Balanço só tem a ver comigo na medida em que eu também sou jovem e estou começando.” (Cazuza)

“Nesse caso, a música saiu antes da letra.” (Frejat)



“Mal Nenhum” (Cazuza e Lobão)



“Down em Mim” (Cazuza)
“A letra foi inspirada na música ‘Down on Me’, gravada por Janis Joplin no primeiro LP (Big Brother & The Holding Company, 1966)”.

“Quando Janis Joplin morreu, eu nem sabia quem ela era... Só fui saber dois anos depois, em 1972, quando saí do Santo Inácio, um colégio de padres, e fui para o Anglo-Americano, mais liberal. Lá a gente ouvia Rolling Stones no recreio. Então, um amigo me mostrou a Janis, que eu conhecia da televisão, entre uma novela da Janete Clair e outra. Estava assim: Jimi Hendrix e Janis Joplin mortos por drogas. Para mim, aquilo era uma coisa horrorosa. Mas quando ouvi aquela mulher descobri que ela era genial. Aí eu entendi o que era o blues. E através da Janis Joplin, eu descobri a Billie Holiday e mesmo a Dalva de Oliveira. Tudo aquilo que eu já curtia, mas achava cafona. Aliás, sou cafona e assumo. Gosto de palavras como ingratidão. Sou meio Augusto dos Anjos: ‘... escarra nessa boca que te beija’”. (Cazuza)



Segue com...
Barão Vermelho Ao Vivo 3

Comentários retirados do livro “Preciso Dizer que Te Amo – Todas as Letras do Poeta”

0 comentários:

Postar um comentário

 
Free Host | new york lasik surgery | cpa website design