segunda-feira, 1 de outubro de 2012

Passeio de Trem de Ollantaytambo para Aguas Calientes [Peru]

Na manhã do dia 21/06/12, infelizmente deixamos Ollantaytambo rumo a Aguas Calientes. Digo infelizmente pelo fato de Ollantaytambo, o simpático povoado no Vale Sagrado, ter ficado para trás. Nós deixamos aquela antiga cidade com um “gostinho de quero mais”. Mas, afinal, nós estávamos a caminho de Machu Picchu, um dos “pontos altos” de nossa peregrinação pelo Peru.

Trem de Ollantaytambo para Aguas Calientes, no Peru
Trem de Ollantaytambo para Aguas Calientes 
O hotel ficava bem próximo à estação ferroviária. Três ou quatro minutos. E num ritmo de caminhada tranqüilo. Assim, partimos para a estação, pouco após as 6h. Pelas 6h30, embarcamos. Lembro que o Ricardo quase perdeu o trem. Não encontrou umas compras e ficou procurando no hotel. Acabou embarcando sem as encontrar. Dinheiro perdido!


E eu quase perdi todos os meus documentos! Apresentei-os ao embarcar no trem. Ao guardar as mochilas, deixei-os sobre uma mesa. Acomodei minhas mochilas e esqueci-me de pegá-los. O Rualdo, o geólogo que acompanhou o nosso grupo os trouxe para mim. E essa é uma das vantagens de se viajar em grupo. Um cuida do outro e todos se ajudam...

Picos Nevados Vistos do Trem entre Ollantaytambo e Aguas Calientes, no Peru
Picos Nevados Vistos do Trem entre
Ollantaytambo e Aguas Calientes

A propósito, o Rualdo, na maior parte da viagem de trem, mostrava as alterações do relevo. Também olhava seus mapas, fazia cálculos, mirava a bússola. Então, sentenciava: “Estamos passando em tal lugar”. Para não me estender demais, irei registrar alguns aspectos dessa viagem de trem, na forma de notas ou apontamentos...

# O trem, de Ollantaytambo para Aguas Calientes, segue pelo Vale do Rio Urubamba, acompanhando sua margem. Esse foi basicamente o trajeto que Hiram Bingham fez, em 1911, para chegar a Machu Picchu;

Paisagem Vistas do Trem para Aguas Calientes, no Peru
Paisagem Vistas do Trem para Aguas Calientes

# O trem no qual fizemos o trajeto oferece pequeno espaço para as pernas. Além de ser bem quente! Na ida, ele estava quase vazio e isso não foi um problema. Na volta, estava lotado! Foi um terror;

# A maior parte das paisagens interessantes é vista pelas janelas do lado esquerdo. Se conseguir um lugar desse lado do trem você será beneficiado;


# O rio Urubamba é também conhecido como Vilcanota, o que significa “leitoso”. O rio assume uma coloração prateada, quando visto das montanhas;

# Machu Picchu significa “montanha velha”. Já Huayna Picchu, “montanha nova”. Estas são as duas montanhas que ficam, respectivamente, ao sul e ao norte do sítio arqueológico de Machu Picchu;

O Leito Leitoso do Rio Urubamba (Vilcanota), no Peru
O Leito Leitoso do Rio Urubamba (Vilcanota)

# Quanto mais perto de Aguas Calientes, maior vai ficando a vegetação. Na região, inicia (ou acaba) a Floresta Amazônica!

Cerca de uma hora e meia após a partida de Ollantaytambo, chegamos a Aguas Calientes. Nossa ideia era seguir para Machu Picchu, antes que chegasse a maioria dos turistas. Nossos planos acabaram frustrados... 

Segue com...

Montanha Huayna Picchu, em Machu Picchu, no Peru
Montanha Huayna Picchu, em Machu Picchu

0 comentários:

Postar um comentário

 
Free Host | new york lasik surgery | cpa website design