sexta-feira, 20 de julho de 2012

Viagem ao Peru: Hotéis

Inicialmente, irei tecer meus comentários sobre os hotéis do pacote. Como registrei no post Viagem ao Peru: Despesas Gerais, as diárias desses hotéis estavam inclusas no pacote. Todos eles ofereciam café da manhã, que também estava incluso.

De maneira geral, todos hotéis foram muito bem escolhidos. Eram muito bem localizados, com boas acomodações e também um bom café da manhã. É claro: há os destaques positivos e os negativos. E falarei sobre isso, na sequência...
Fachada do Meliã Lima
Fachada do Meliã Lima

Hotel Exclusive San Augustin, Lima

Esse hotel, localizado em Miraflores, pareceu-me muito bom e limpo. Era também o hotel com o melhor café da manhã, dentre os quatro contemplados no pacote. 

Passaríamos duas noites no Exclusive San Augustin. E pagamos por isso. Como tivemos de passar um dia em Asuncion, em virtude dos problemas com o avião, acabamos perdendo uma diária...


Hotel Siete Ventanas, Cusco 

Meus pais e eu ficamos em um quarto em cima da cozinha e ao lado da escadaria. Porém, o Hotel Siete Ventanas não tem isolamento acústico! O barulho vinha da rua (trânsito e boate), da recepção e da cozinha...

O único incoveniente deste hotel era o barulho. Mas para quem sofria as consequências da altitude e precisava descansar foi um desastre... Isso transformou a estadia em Cusco num inferno... 

O hotel como um todo até era muito bom. E todo o resto funcionou perfeitamente! O quarto era amplo, o banheiro excelente e o café da manhã simples, mas bom. A única ressalva é o barulho...

Hotel Pakaritampu, em Ollantaytambo
Hotel Pakaritampu, em Ollantaytambo

 
Hotel Pakaritampu, Ollantaytambo

O Pakaritampu, em Ollantaytambo, na minha opinião, foi o melhor de toda a viagem... É claro: não estou considerando o Sheraton e o Meliã, pois estes hoteis foram pagos pela TACA.

O Pakaritampu é organizado em espécies de cabanas. O quarto é amplo, o banheiro, menor que o de Lima e Cusco. Mesmo assim, muito bom. O café da manhã, também é excelente... 


Hotel Inti Punku, Aguas Calientes

O Hotel Inti Punku, de Aguas Calientes não condiz com o nível de nossa viagem. Ele destoa dos demais hoteis, tendo como único ponto positivo a proximidade da estação ferroviária e do ônibus para Machu Picchu.

Chegamos pela manhã e a cidade estava sem luz. Retornamos, à tarde de Machu Picchu e a caldeira ainda não havia esquentado... Assim, todo mundo tomou banho frio! Quer dizer, só quem tinha toalha no quarto. Afinal, com a falta de luz algumas toalhas não haviam sido lavadas...

Olhando as fotos no site, o hotel até parece simpático. Acontece que há dois ou três Inti Punku em Aguas Calientes. Demoramos para encontrar o nosso. E o hotel não tem nada a ver com o que aparece nas fotos...

Quarto do Pakaritampu, em Ollantaytambo
Quarto do Pakaritampu, em Ollantaytambo

Os quartos são super pequenos! Mesmo para quem ficou em quarto single. Não há elevador, o que dificulta bastante para as pessoas de mais idade. E o café da manhã foi o mais ordinário de toda a viagem. E como demorou para servirem...

Talvez o contra-ponto positivo tenha sido a possibilidade de banho na recepção do hotel após subir o Apu Machu Picchu. Aquele banho com as águas geladas do Urubamba lavou até a alma! hehehe...


Hoteis não Incluídos no Pacote


Na ida, de Porto Alegre para Lima, o avião teve um problema hidráulico e tivemos pousar em Asuncion, capital do Paraguai. Ficamos um dia no Sheraton, com todas as refeições e transfers de ida e volta ao aeroporto pagos pela TACA...

Como compensação pelo dia que perdemos em Lima, a TACA transferiu o voo da volta. Como só há voos de Lima para Porto Alegre três vezes por semana, ficamos dois dias a mais na capital peruana.

Sheraton Asuncion, no Paraguai
Sheraton Asuncion, no Paraguai

A TACA pagou três diárias no Meliã, com todas refeições e transfers incluídos... Foram pagas três diárias e não duas para que pudéssemos tomar banho antes de ir ao Aeroporto. Afinal, o check out era às 12h e o voo às 23h...

Tivemos alguns dias de rei, em Lima! hehehe...


Sheraton Asuncion Hotel

Fica difícil fazer qualquer crítica negativa de um hotel deste calibre! O atendimento impecável. Quarto enorme, com poltrona e mesa. Sem falar das refeições, todas excelentes. Tanto o almoço, como a janta. Deixamos o hotel antes das 5h, no dia seguinte. Mesmo assim, serviram um lanche para a gente...

Uma coisa que chamou a minha atenção no Sheraton de Asuncion foi a ausência de negros, asiáticos ou indígenas. Isso que mais de metade da população têm traços indígenas. Nenhum dos funcionários aparentava estar acima do peso. Em hoteis desse porte, cada detalhe é precioso...

Quarto do Sheraton Asuncion
Quarto do Sheraton Asuncion

O Sheraton Asuncion fica a 7 km do aeroporto e a 7,3 km do centro da cidade. Um pouco distante, mas o táxi é barato. Como fica em um rua de trânsito intenso, pensei que haveria muito barulho. No início da noite, até havia. Depois, tudo ficou mais tranquilo...


Meliã Lima

O Meliã Lima foi, sem dúvida, o melhor hotel da viagem! Começando pela recepção, passando pelo restaurante e chegando aos quartos. Tudo de altíssimo nível. Um hotel para o bolso de poucos. E que se não fosse pago pela TACA, aumentaria sobremaneira o orçamento da viagem...

A gentileza dos funcionários, seja na recepção, seja no restaurante é de se aplaudir de pé. Chegamos ao Meliã por volta das 16h. Mesmo assim fomos bem recebidos no restaurante e pudemos almoçar. Os pequenos problemas que tive com a internet prontamente foram resolvidos.

Quarto do Meliã Lima
Quarto do Meliã Lima

Além da excelência no atendimento, seria injusto não destacar a qualidade dos pratos serviços. Isso sem falar no quarto, amplo, extremamente limpo e com um belo e bem estruturado banheiro. Só o cheiro de baunilha no quarto era um tanto enjoativo...

0 comentários:

Postar um comentário

 
Free Host | new york lasik surgery | cpa website design