segunda-feira, 18 de junho de 2012

Moinho Rasche, Nova Petrópolis

O Que É?

Moinho construído, em 1953, pela família Rasche. Em 1996, foi adquirido pelo município. O moinho foi restaurado com patrocínio do Moinho Estrela, sendo inaugurado dia 1º de maio de 2008. O local está aberto à visitação, diariamente, das 9h às 17h.

Onde Fica?
BR 116, na esquina com a Avenida Germânia, 1990, Nova Petrópolis, RS.

Moinho Rasche, em Nova Petrópolis
Moinho Rasche, em Nova Petrópolis

Por Que Conhecer?
Descendentes de alemães, os Rasche eram exímios moleiros e carpinteiros. E dedicaram-se à manufatura dos cereais produzidos pelos agricultores da região. O Moinho Rasche reflete a evolução tecnológica e econômica dos meios de produção e manufatura dos cereais trazidos pelos imigrantes.

Dica do Guasca
Quem recebe os visitantes é um dos antigos funcionários do Moinho Rasche. Aproveite para trocar uma ideia com ele! O senhor é gente boa e adora contar as histórias dos “antigos tempos”. Segundo ele, o moinho tinha apenas quatro funcionários. E ali eram produzidos 4.000 kg de farinha por dia, uma quantidade impressionante para a época...


Relato
O Moinho Rasche foi uma dica que peguei na Torre, o Centro de Informações Turísticas de Nova Petrópolis. Confesso que nunca havia ouvido falar do local. Se bem que fazia alguns anos que não subia a serra gaúcha passando por Nova Petrópolis. Creio que desde 2005 ou 2006 não passava por ali. E o moinho foi aberto à visitação em 2008...

Antigos Equipamentos do Moinho Rasche, Nova Petrópolis
Antigos Equipamentos do Moinho Rasche

Assim, deixei a Torre e segui a pé até o Moinho Rasche. Você terá de retornar uns 300 metros, pela BR 116. O melhor é deixar o carro estacionado junto à Torre e ir caminhando mesmo. O local é pouco conhecido e, portanto, pouco procurado. A maioria das pessoas que chega ali vem por indicação do Centro de Informações Turísticas. Mas uma rápida visita ali vale à pena!

Cumprimentei o senhor que estava na entrada do Moinho Rasche e perguntei como funcionava a visita. Ele disse que a entrada era livre e eu poderia percorrer os três andares do antigo moinho. Colocou-se à disposição para qualquer dúvida. Respondi que não hesitaria em lhe chamar...

O Fundador do Moinho Rasche, Nova Petrópolis
O Fundador do Moinho Rasche

Mal tirei a câmera do bolso e ele veio conversar... Assim, acabei mais conversando do que tirando fotos. Foi bom, pois fiquei a par da história do moinho. Não havia mais ninguém por ali. Já eram quase 14h e percebi que só três pessoas haviam visitado o local naquele dia. O tiozinho estava louco para conversar e contar suas histórias...

Ele contou sobre o primeiro moinho, movido por uma roda d’água. Este foi criado pelos pais do fundador do Moinho Rasche. Você verá as fotos dos pais e do filho, se não me engano, no segundo andar da exposição. Questionei ao senhor sobre o maquinário. E depois acabamos falando sobre a alimentação de antigamente e dos dias de hoje. Sobre agrotóxicos, etc.

Antigo Maquinário do Moinho Rasche, Nova Petrópolis
Antigo Maquinário do Moinho Rasche

Ao deixar o local, cerca de meia hora após ter chegado, estavam entrando uma moça e dois rapazes. Assim, o tiozinho poderia ter mais alguns minutos de conversa! E eu seguiria para o Ninho das Águias, onde fica uma rampa para salto de asa-delta...

Contabilidade
Entrada franca

0 comentários:

Postar um comentário

 
Free Host | new york lasik surgery | cpa website design