quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

Faculdade de Direito da USP - São Paulo

Duas esculturas "Idílio" e "O Menino e O Catavento" adornam a parte frontal da Faculdade de Direito do USP. O curso foi criado na cidade de São Paulo por Dom Pedro I, em 1827. No ano seguinte, as aulas iniciaram no convento do largo.

Em 1932, surgiu o novo prédio, projetado pelo sucessor de Ramos de Azevedo, Ricardo Severo. Severo atendeu ao desejo dos acadêmicos de fazer um pátio com arcadas e manter o relógio na fachada.

Faculdade de Direito da USP - São Paulo
Faculdade de Direito da USP


O Túmulo do Professor Julius Frank

Em outro pátio, está o túmulo neoclássico, de 1842, do professor de origem alemã Julius Frank. Julius Frank era o líder da sociedade secreta republicana e abolicionista conecida como Bucha.

Julius Frank não pôde ser enterrado em um cemitério católico, por ser protestante. Esta é a razão de seu túmulo ficar no interior do prédio da Faculdade de Direito.


A Faculdade dos Presidentes e dos Poetas

A Faculdade de Direito abrigou movimentos políticos, como a Revolução Constitucionalista de 1932. Ela formou nove presidentes e poetas, como Álvares de Azevedo, Fagundes Varela e Castro Alves.

Um museu localizado no primeiro andar da Faculdade de Direito da USP tem, em seu acervo, pastas de Ruy Barbosa e de Castro Alves, além de documentos da turma de 1866.


Veja também
Os Presidentes e Poetas da Faculdade de Direito Usp - São Paulo

0 comentários:

Postar um comentário

 
Free Host | new york lasik surgery | cpa website design